Capitolio


Santa Casa de Valinhos implanta monitoramento em UTI

06 de dezembro 2019

Entre os equipamentos rastreados estão monitores cardíacos, respiradores, eletrocardiógrafos e desfibriladores

A Santa Casa de Valinhos, no interior de São Paulo, concluiu a primeira fase de um projeto de identificação e localização dos equipamentos com o uso de tecnologias de internet das coisas (IoT). Voltado exclusivamente, nessa etapa, para a UTI, o projeto consistiu na implementação de beacons para monitorar os deslocamentos e localizar os equipamentos da unidade.

De acordo com o superintendente da Santa Casa, Fernando Pozzuto, o projeto, que começou no fim de 2017, surgiu da necessidade de o hospital atualizar o inventário, monitorar os deslocamentos e localizar os equipamentos da UTI. “Verificamos que havia muita movimentação de equipamentos da UTI e isso ocasionava muita quebra e até mesmo alguns casos em que o aparelho não era encontrado”, conta ele, ao acrescentar que daí surgiu a decisão de rastrear os aparelhos.

Veja mais

Autor: Erivelto Tadeu
Referência: Valor Econômico